Página 1 de 1

Cerveja Celtia - Tunísia

Enviado: quinta set 21, 2006 23:41
por Rasec
Como voltei recentemente de férias da Tunísia posso fazer uma breve descrição do que por lá se encontra.


Sendo um país marcadamente muçulmano (apesar da sua crescente "ocidentalização" e principalmente "europaização") o consumo de álcool não é bem visto nem muito bem aceite, no entanto tolera-se o consumo moderado de alguma cerveja e algum vinho, bem como de alguns licores tradicionais. As bebidas nacionais são o café (muito ligeiro) e o chá de menta (parece sopa de hortaliça).


O país tem assim apenas uma cerveja nacional que se encontra distribuida em todo o lado, chamada CELTIA.

Imagem

Experimentei esta cerveja uma meia dúzia de vezes e basicamente:

Aspecto:

- cor dourada intensa e brilhante, atraente sem ser deslumbrante, forma um chapéu de espuma muito pouco consistente e muito pouco duradouro.

Aroma:

- em todas as provas se notaram sintomas de infeção e sulfurados. Nota-se também aroma a lúpulos velhos ou de má qualidade. Também se encontram aromas a mercaptans e butíricos. Em suma, se experimentarem, não cheirem... limitem-se a beber.

Prova:

- nota-se imediatamente a água, é uma cerveja muito aguada e com muito pouco álcool (pelo rótulo escrito em arábico foi impossível retirar alguma informação, mas no RateBeer encontrei 5%(v/v)). Nota-se também tendência para algum sabor metálico / ferroso e alguma adstringência. O pior de tudo foi no entanto a constante tendências da maior parte das cervejas provadas para luz/envelhecimento/oxidação. Fiquei na dúvida se teria milho ou arroz na sua composição.


Conclusão:

Há falta de melhor (farto de água e sumos tunisinos) lá se bebia. O mais gelada possível (os copos lá são sempre servidos gelados) parecia um Ice Tea com pouco álcool dada a forma como é aguada. Suponho que o processo de controlo do enchimento e da distribuição não sejam dos melhores dada a a sua constante tendência para oxidação.

Raramente se encontravam outras cervejas por lá, a mais vista ainda era a Lowenbrau (só em zonas turísticas), e não sendo das minhas cervejas favoritas sabiam como mel!

Encontrei e visitei também uma microcervejaria em Yasmin Hammamet com equipamento muito aceitável, mas onde só tinham naquele momento uma Helles abaixo do medíocre da qual nem vale a pena falar.


Basicamente, o país vale a pena por tudo menos pela cerveja (e comida idem).

Enviado: sexta set 22, 2006 0:34
por bmxutos
Amigo Rasec,

De facto, a situação na Tunísia é quase monopolista. Digo isto não por conhecimento directo mas por pesquisas/conversas que fui tendo ao longo dos anos. A Société Frigorifique et Brasserie de Tunis (S.F.B.T) encontra-se sozinha no mercado e a sua marca mais conhecida é a Celtia.

Por outro lado, e como muito bem referiu, sendo a Tunísia um país muçulmano, tal implica várias limitações ao nível da venda de bebidas alcoólicas, com a consequente dificuldade na entrada de marcas estrangeiras no país. Não é pois de estranhar que a 2ª marca mais consumida seja a Lowenbrau, que também é feita pela S.F.B.T sob licença.

Aliás, salvo raríssimas excepções, como a excelente Guinness Foreign Extra Stout produzida na Nigéria, ainda estou para encontrar cervejas de qualidade produzidas no continente africano. É verdade que ainda não tenho um grande número de cervejas provadas deste continente, mas até agora.... :?

Só para concluir, um obrigado pela bonita fotografia e pela excelente análise que fez à cerveja.

Cumps.

Re: Cerveja Celtia - Tunísia

Enviado: sexta set 22, 2006 12:05
por canecao
Rasec Escreveu:
- em todas as provas se notaram sintomas de infeção e sulfurados. Nota-se também aroma a lúpulos velhos ou de má qualidade. Também se encontram aromas a mercaptans e butíricos. Em suma, se experimentarem, não cheirem... limitem-se a beber.



Amigo Rasec,

quando se refere a mercaptans e butíricos, do que é que estamos a falar? Em termos de cheiro, são similares a quê? Resultam de uma má elaboração da cerveja ou alguma contaminação?

Obrigado e abraço.

Enviado: sexta set 22, 2006 13:39
por Rasec
O aroma "Mercaptans" associa-se normalmente a "esgoto" "lixo" ou mesmo "vegetais cozidos". Pertence ao "grupo" dos sulfurados. Normalmente tem a ver com uma má maturação (autólise de levedura p.e.).

O aroma "Butírico" associa-se a vomitado de bebé, algo putrido ou rançoso. Tem origem no ácido do mesmo nome. Normalmente relaciona-se com infecção no fabrico (matérias primas).


Pessoalmente, tenho algumas limitações em distinguir estes dois aromas, e quando refiro um refiro o outro também.

Enviado: sexta set 22, 2006 18:51
por bmxutos
Caro Rasec,

existe algum sítio, nomeadamente na internet, onde possa achar uma tabela com os diferentes aromas que se podem encontrar numa cerveja? Tenho várias mas apenas relativas ao sabor. É que, devo confessar, estes termos que utilizou são pouco mais que desconhecidos para mim.

Abraço.

Enviado: domingo set 24, 2006 23:23
por Rasec
Numa pesquisa muito rápida dei com isto:

http://www.mrgoodbeer.com/aroma.shtm


tem alguns defeitos / características com causas provaveis e conselhos sobre minimizar esses defeitos. É muito "introdutório", mas pode ser um bom ponto de partida para pesquisas mais alargadas.


Tive no entanto uma ideia, podia-se criar um tópico sobre avaliação de cerveja, em que se colocam os defeitos, origens do defeito e quem sabe uma imagem fácil de memorizar associada ao defeito. Basicamente é pegar neste site, traduzir para português e aumentar as características até todos estarmos a falar a mesma linguagem em termos de avaliação sensorial de cerveja.

Que me dizem? E claro que eu posso ajudar!

Enviado: segunda set 25, 2006 11:54
por bmxutos
Rasec Escreveu:Numa pesquisa muito rápida dei com isto:

http://www.mrgoodbeer.com/aroma.shtm

tem alguns defeitos / características com causas provaveis e conselhos sobre minimizar esses defeitos. É muito "introdutório", mas pode ser um bom ponto de partida para pesquisas mais alargadas.



Caro Rasec,

obrigado pelo seu link. é, de facto, bastante interessante e completo. Falta apenas um "l" no endereço:

http://www.mrgoodbeer.com/aroma.shtml

Abraço,

Bruno
CervejasDoMundo.com

Enviado: terça set 26, 2006 19:30
por bmxutos
Amigo Rasec,

a ideia de um tópico sobre os defeitos das cervejas parece-me bastante interessante, apesar de algo técnico. Confesso que, felizmente, raramente apanho uma cerveja "estragada", com a excepção daquelas imperiais completamente sem vida e que quase parecem urina. E digo raramente pois tz não consiga detectar quando uma cerveja está realmente estragada ou apenas a caminho disso. Acho que o problema é dar um nome às sensações desagradáveis que por vezes vamos sentindo numa cerveja. Nunca me lembraria de palavras como butíricos ou mercaptans! :D

Portanto, se quiser iniciar uma thread na zona dos "estilos de cerveja" ou no "batalha das cervejas" esteja à vontade. O tema á capaz de ser difícil de comentar inicialmente mas com as porcarias que vão aparecendo no mercado, acho que vamos ter muito para conversar....

Um abraço,

Bruno
CervejasDoMundo.com

Enviado: quarta dez 26, 2007 14:00
por titus
Ena, a Celtia... Grande review Rasec. :wink:

Esta bebida tunisina cai na minha categoria de "refrigerante de cevada". :mrgreen: Mas quando estive lá, à falta de melhor (o que não existe, como já referido) e com um calor abrasador, uma puxava sempre outra... eheheh

Cumps.