Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Todas as fases de produção de uma cerveja, truques e dicas.
Hatteras
Já saca as caricas fora!
Mensagens: 14
Registado: quarta nov 11, 2009 21:45
Localização: V. N. de Famalicão

Primeira produção

Mensagempor Hatteras » sábado nov 14, 2009 12:26

walkabouts Escreveu:
pedro.m.reis Escreveu:Caro João, como vai essa Triple?

Actualmente estou com um segundo batch em fermentaçao, e acabei hoje de engarrafar uma Tarwebier ...


Olá a todos. Sou novo por cá e como já disse na minha apresentação como membro deste magnifico fórum, irei iniciar a minha produção para a próxima semana. :)

Um dos Kits que encomendei foi exactamente a Tarwebier que o Walkabouts menciona. Mas estou a pensar começar por fazer uma talvez mais simples, digo eu, Pilsener da Muntons.
Essa Tarwebier saio-te bem? Nesta altura já não deve sobrar nada, não?... :lol:
Comprei esse kit porque sou grande apreciador de Weizens.

Um problema que me está a começar a preocupar é a temperatura ambiente do local que tenho destinado à "Brauerei". Cerca de 17º não será frio demais para a primeira fermentação da Pilsener?


Avatar do Utilizador
emsfc
Craft Beer Consultant
Mensagens: 702
Registado: segunda abr 16, 2007 0:27
Localização: Viseu
Contacto:

Mensagempor emsfc » sábado nov 14, 2009 20:35

Ao que sei, embora sendo lagers, as pilseners dos kits vêm acompanhadas com uma levedura ale.
Se fosse fermentada com levedura lager (como deve ser), até estava quente demais. Mas como a levedura é ale, 17ºC não é o ideal, mas penso que deves conseguir fermentá-la na mesma.
No entanto, se quiseres fermentá-la a uma temperatura mais alta, coloca o fermentador num alguidar com água de forma a fazer um banho-maria. Coloca nesse banho um termostato de aquario e assim consegues ter a temperatura que quiseres.
Tem atenção que a temperatura dentro do fermentador é, geralmente, mais quente 2ºC do que no exterior. Por isso, se quiseres fermentar a 22ºC, tens que regular o termostato patra 20ºC.

No caso da weizen, aconselho-te a fermentá-la a uma temperatura entre os 18 e 20ºC. Isto para que não fique com aroma/sabor a banana bastante acentuado.

Abraço


"Artisanal is not a synonym for dirty and old-fashioned; it means brewing as one ought to, while at the same time applying modern know-how and technology"
Dirk Naudts

http://brewingsessions.blogspot.com
Avatar do Utilizador
Almaminha
Já saca as caricas fora!
Mensagens: 14
Registado: domingo out 04, 2009 10:31
Localização: Castelo Branco

Amigo Hatteras

Mensagempor Almaminha » segunda nov 16, 2009 15:57

Tenho neste momento a fermentar (desde há 2 dias) precisamente uma Continental Pilsner da Muntons (um kit Gold de duas latas) com uma temperatura ambiente mais ou menos constante de 19ºC.
Está a borbulhar convenientemente à espera que faça uma semana para a transferir para um fermentador secundário.

Recomendo vivamente pelas referências que me deram.
Embora o kit seja de 40 pintas (18,93 litros), subi aos 21 litros com a adição de 1/2 kg de açúcar branco.


Por questões de dieta deixarei de beber cerveja durante 2 semanas. Calculo que perderei cerca de 14 dias :)
Hatteras
Já saca as caricas fora!
Mensagens: 14
Registado: quarta nov 11, 2009 21:45
Localização: V. N. de Famalicão

Mensagempor Hatteras » sexta dez 04, 2009 23:01

Caros Mestres,

Tenho a minha Pilsener da Muntons, acabada de fermentar. O material atrasou-se e só me foi possível partir para a produção no passado domingo 29/11. Hoje(04/12), não há quaisquer sinais de borbulhação e já quase está equilibrado o nível no borbulhador. Enfim, até aqui parece-me tudo ter corrido bem, o tempo de fermentação parece-me pelas indicações o correcto e conforme aqui sugerido pelos experientes mestres, coloquei o fermentador num banho-maria com termostato.

No entanto, agora uma questão de ordem prática se levanta.
Embora as indicações vindas com o kit nada mencionem, acerca de um período de maturação num fermentador secundário, verifiquei neste fórum que essa é uma prática vivamente aconselhada para melhorar a qualidade da nossa cerveja. Vou assim cumprir com este conselho. Porém a questão é a seguinte:
- A transferência da cerveja fermentada entre fermentadores e a posterior mistura de açúcar(primming) para engarrafamento, deve ser feita de forma a agitar o menos possível a cerveja de forma a minimizar a oxidação, correcto?

Ou seja, quando fizer o primming devo evitar a agitação da cerveja?

Agradeço desde já os vossos preciosos conselhos.


Avatar do Utilizador
Brett
Bebedor de minis!
Mensagens: 46
Registado: segunda dez 17, 2007 14:32
Localização: Lisboa

Mensagempor Brett » sábado dez 05, 2009 17:07

Olá,

Correcto! A regra é muito simples, todas as transferências de líquido que sejam efectuadas devem ter em linha de conta um possível risco de oxidação, logo devem ser efectuadas com cuidado. Quer trate-se de trasfegas entre fermentadores, priming, engarrafamento, etc.

O cuidado aumenta exponencialmente quando se tratar de liquido acima de 27ºC, mas isso são outras guerras...


Cumprimentos,
Brettanomyces
Avatar do Utilizador
emsfc
Craft Beer Consultant
Mensagens: 702
Registado: segunda abr 16, 2007 0:27
Localização: Viseu
Contacto:

Mensagempor emsfc » sábado dez 05, 2009 22:56

Permitam-me uma correcção. Podes trasfegar o mosto/cerveja sem cuidados de maior.
O oxigénio apenas é prejudicial no mosto quente, levando à oxidação da cerveja.
No caso do mosto frio até é benéfico. Quando se coloca o mosto no fermentador, antes de inocular a levedurar, introduz-se oxigénio no mosto, através da agitação ou com a ajuda de uma bomba de aquário. Esse oxigénio vai ser usado pela levedura para se reproduzir, e com isto conseguimos maior numero de leveduras e consequentemente uma fermentação mais rápida e eficaz.
Com isto, se por acaso algum oxigénio entrar no teu mosto/cerveja, a levedura deve tratar dele, por isso não te preocupes.
No entanto, quando trasfegares o mosto tens que ter cuidado é com o sedimento que tens no fundo do fermentador primário. Esse sedimento é que não deve passar para o fermentador secundário.

Abraço


"Artisanal is not a synonym for dirty and old-fashioned; it means brewing as one ought to, while at the same time applying modern know-how and technology"

Dirk Naudts



http://brewingsessions.blogspot.com
Avatar do Utilizador
Brett
Bebedor de minis!
Mensagens: 46
Registado: segunda dez 17, 2007 14:32
Localização: Lisboa

Mensagempor Brett » segunda dez 07, 2009 12:37

A minha leitura deste problema é bem diferente, eu encaro o oxigénio como um dos ingredientes da cerveja, e nesta perspectiva o procedimento usual diz-me para o introduzir apenas e só quando estamos na presença de muitas leveduras frescas e ávidas de trabalhar, situação que só ocorre numa única fase do processo: antes de as inocular e quando o mosto estiver frio. De resto a presença do oxigénio irá sempre contribuir para a formação de sabores estranhos.

Noutras receitas, quando para além Saccharomyces pretendemos ter outra bicharada à mistura (Pediococcus, Brettanomyces, Lactobacillus) podemos introduzir o oxigénio noutras fases do processo, mas também aqui só o devemos fazer quando esta bicharada está bem activa.

De forma a completar estas ideias recomendo a leitura de 2 artigos:

http://www.byo.com/stories/article/indi ... e-air-wars

http://www.howtobrew.com/section1/chapter6-9-3.html

Note-se que toda esta lógica perde algum do seu significado caso tenhamos introduzido sulfitos, ou outro químico inibidor da oxidação, no mosto.


Cumprimentos,

Brettanomyces
Hatteras
Já saca as caricas fora!
Mensagens: 14
Registado: quarta nov 11, 2009 21:45
Localização: V. N. de Famalicão

Caros Mestres

Mensagempor Hatteras » terça dez 08, 2009 22:07

Realmente quem sabe, sabe.
A questão aqui é técnica, do ponto de vista de como fazem a mistura do açúcar no primming.
Será suposto fazer uma calda com cerca de 150ml de água fervida com o açúcar para a carbonatação. Mas depois como se asseguraram ao juntar esta calda à cerveja, para o engarrafamento, que este açúcar/calda é distribuído homogeneamente nos cerca de 23L de cerveja do batch?

Terá que ser forçosamente mexido, não? (Digo eu com toda a minha inexperiência.)


With Hop(e) to get good beers!

Hatteras
Avatar do Utilizador
Brett
Bebedor de minis!
Mensagens: 46
Registado: segunda dez 17, 2007 14:32
Localização: Lisboa

Mensagempor Brett » quarta dez 09, 2009 10:08

Sobre a calda, entre os 200 e 150ml são suficientes para diluir o açúcar. não te esqueças de também deixar arrefecer esta calda antes de juntar a cerveja.

Costumo seguir a técnica explicada em:

http://www.cervejacaseira.com/fazer_cer ... afar.shtml

Que é em tudo semelhante ao que explica a bíblia do Palmer:

http://www.howtobrew.com/section1/chapter11-4.html

O facto da ponta da mangueira ficar no fundo do balde vai por si provar um ligeiro movimento de rotação de todo o mosto, que, juntamente com o repouso de 15 minutos no final, são suficientes para misturar todo o açúcar.

Inicialmente mexia com uma colher grande, ultimamente deixei de o fazer e não noto diferença no gás entre as várias garrafas.


Cumprimentos,

Brettanomyces
Hatteras
Já saca as caricas fora!
Mensagens: 14
Registado: quarta nov 11, 2009 21:45
Localização: V. N. de Famalicão

Mensagempor Hatteras » sábado fev 20, 2010 12:57

Obrigado a todos pelos vossos conselhos e dicas. Já me encontro desde há algumas semanas a beber da minha pilsener, que saiu muito bem graças à vossa ajuda. Para a semana pretendo reiniciar os trabalhos na Brauerei :D
Desta vez uma Weizen...


With Hop(e) to get good beers!



Hatteras
Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Mensagempor bmxutos » sábado fev 20, 2010 13:10

Hatteras Escreveu:Obrigado a todos pelos vossos conselhos e dicas. Já me encontro desde há algumas semanas a beber da minha pilsener, que saiu muito bem graças à vossa ajuda. Para a semana pretendo reiniciar os trabalhos na Brauerei :D
Desta vez uma Weizen...


Parabéns. A weizen que estás a pensar produzir é a "normal"? Digo isto apenas porque para esta altura do ano, uma cerveja mais encorpada não ficaria nada mal, tipo dunkelweizen. Independentemente do que escolhas, boa sorte com esse próximo batch.


Hatteras
Já saca as caricas fora!
Mensagens: 14
Registado: quarta nov 11, 2009 21:45
Localização: V. N. de Famalicão

Mensagempor Hatteras » sábado fev 20, 2010 15:33

bmxutos Escreveu: A weizen que estás a pensar produzir é a "normal"?


É a "Tarwebier" do Kit da Brewferm. Ainda me acho muito verde para me lançar para outras "aventuras" :mrgreen:

Esta cerveja para ser mais correcto é uma Blanche, que me parece ser a versão Belga da Weizen Alemã. Apenas a referi como Weizen porque é uma cerveja de trigo, e dessas na Alemanha já contei umas litradas apreciáveis. :lol:
É dos meus tipos favoritos...


With Hop(e) to get good beers!



Hatteras
Avatar do Utilizador
mmmoura
Beer Expert
Mensagens: 239
Registado: domingo fev 22, 2009 23:32
Localização: Lisboa
Contacto:

Mensagempor mmmoura » domingo fev 21, 2010 2:09

força nisso, o pessoal anda todo a trabalhar nas de trigo agora! a ver se ficamos todos satisfeitos com o trigo!


Cumprimentos Cervejeiros
Manuel Moura

blog: http://sergas-aminhacerveja.blogspot.com/
RGomes
Bebedor de minis!
Mensagens: 25
Registado: segunda jul 15, 2013 15:20

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor RGomes » quinta jul 25, 2013 18:26

Pessoal recuperando este topico porque a minha primeira experiencia vai mesmo ser com a Triple.

Começo a ficar com duvidas sobre o 2º fermentador, o kit de material que comprei vem um fermentador e um balde igual mas que apenas tem a torneira, sempre pensei que a ceveja fermenta no primeiro e depois passamos para o segundo balde na altura de engarrafar e só se faz isto para remover a sedimentação... mas pelo que vejo deveria ter um segundo fermentador?!

Como faço com este kit deluxe que tenho...
1- Tudo no fermentador? uma semana?
2- Passo para o segundo balde adiciono o segundo açucar e engarrafo de imediato? e depois a restante fermentação de 4/5 semanas é feita nas garrafas?
3- Para se medir a densidade fazemos no final de todo o primeiro processo? ou seja, mal se coloque a tampa do fermentador podemos medir? e depois medimos quando for para engarrafar, já agora essa cerveja que usamos para medir podemos juntar novamente ao nosso balde? entre medidas temos de esterilizar o medidor?

Obrigado


No Fermentador

Engarrafadas
Brewferm Triple 03/08/13
brunosoliveia
BeerMaster
Mensagens: 565
Registado: sábado mar 16, 2013 18:03
Localização: Gondomar
Contacto:

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor brunosoliveia » quinta jul 25, 2013 20:05

boa tarde,

Eu uso dois baldes fermentadores e entre fermentações vou filtrando para não ficar tão turva mas na segunda fermentação adiciono cerca de 1,2g de fermento.
O que tu retiras para fazer a medição da gravidade por norma não se junta à cerveja, ou serve para provas ou serve pro lixo :lol:

Mas também não precisas de gastar mais dinheiro, basta fazeres um furo nesse segundo balde que tens e passas o borbulhador de um balde para o outro.


Bruno Oliveira

Loja do Cervejeiro
Avatar do Utilizador
nogueiraf
BeerMaster
Mensagens: 1728
Registado: sexta jul 06, 2012 15:59
Localização: Alfena
Untappd: nogueiraf

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor nogueiraf » sexta jul 26, 2013 14:20

RGomes Escreveu:Pessoal recuperando este topico porque a minha primeira experiencia vai mesmo ser com a Triple.

Começo a ficar com duvidas sobre o 2º fermentador, o kit de material que comprei vem um fermentador e um balde igual mas que apenas tem a torneira, sempre pensei que a ceveja fermenta no primeiro e depois passamos para o segundo balde na altura de engarrafar e só se faz isto para remover a sedimentação... mas pelo que vejo deveria ter um segundo fermentador?!

Como faço com este kit deluxe que tenho...
1- Tudo no fermentador? uma semana?
2- Passo para o segundo balde adiciono o segundo açucar e engarrafo de imediato? e depois a restante fermentação de 4/5 semanas é feita nas garrafas?
3- Para se medir a densidade fazemos no final de todo o primeiro processo? ou seja, mal se coloque a tampa do fermentador podemos medir? e depois medimos quando for para engarrafar, já agora essa cerveja que usamos para medir podemos juntar novamente ao nosso balde? entre medidas temos de esterilizar o medidor?

Obrigado


Mais simples e barato usas a tampa do fermentador nos 2 baldes!!! ou seja uma semana no primário, passas para o secundário e utilizas novamente a tampa. Não te esqueças de esterilizar o material antes da passagem de fermentadores.
Para engarrafar vês o açúcar que vais adicionar, colocas num tacho com um pouco de água e aqueces até começar a levantar fervura. Deixas arrefecer, e colocas no balde livre (esterilizado) e depois passas do secundário para o balde onde já tens o açúcar. Depois engarrafas.
A densidade deves medir no primário antes de adicionares o fermento, no secundário quando achares conveniente. O material que entra em contacto com a cerveja sempre esterilizado.


Filipe Nogueira

Sabor Artesanal
RGomes
Bebedor de minis!
Mensagens: 25
Registado: segunda jul 15, 2013 15:20

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor RGomes » sexta jul 26, 2013 16:26

Boa ideia essa das tampas, agora fiquei foi entalado por outro lado, agora já são 3 baldes ehehe


No Fermentador

Engarrafadas
Brewferm Triple 03/08/13
Avatar do Utilizador
nogueiraf
BeerMaster
Mensagens: 1728
Registado: sexta jul 06, 2012 15:59
Localização: Alfena
Untappd: nogueiraf

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor nogueiraf » sábado jul 27, 2013 15:31

RGomes Escreveu:Boa ideia essa das tampas, agora fiquei foi entalado por outro lado, agora já são 3 baldes ehehe


3 baldes?!?!?!
Estas a ver mal, continuam a ser 2!!!

balde1 -> fermentador primário
balde2 -> fermentador secundário

na passagem para o secundário limpas o balde1

balde1 -> engarrafar (açucar + cerveja)


Filipe Nogueira

Sabor Artesanal
RGomes
Bebedor de minis!
Mensagens: 25
Registado: segunda jul 15, 2013 15:20

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor RGomes » domingo jul 28, 2013 16:37

Feito lol o controlo da temperatura esta a dar cabo de mim... Nao estou a conseguir baixar dos 29 já meti em agua com gelo e nada secalhar abusei das temperaturas de confecao, meti o fermentados na parte mais fresca da casa e vou aguardar para ver... De resto correu tudo bem acho eu


No Fermentador

Engarrafadas
Brewferm Triple 03/08/13
Avatar do Utilizador
nogueiraf
BeerMaster
Mensagens: 1728
Registado: sexta jul 06, 2012 15:59
Localização: Alfena
Untappd: nogueiraf

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor nogueiraf » domingo jul 28, 2013 16:58

RGomes Escreveu:Feito lol o controlo da temperatura esta a dar cabo de mim... Nao estou a conseguir baixar dos 29 já meti em agua com gelo e nada secalhar abusei das temperaturas de confecao, meti o fermentados na parte mais fresca da casa e vou aguardar para ver... De resto correu tudo bem acho eu


Esse é o problema de fazer cerveja no verão!!!
Podes colocar umas garrafas de plástico no congelador com 2/3 (+/-) de agua, assim que congelar colocas o fermentador numa bacia com água e as garrafas geladas. Assim baixas a temperatura


Filipe Nogueira

Sabor Artesanal
RGomes
Bebedor de minis!
Mensagens: 25
Registado: segunda jul 15, 2013 15:20

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor RGomes » segunda jul 29, 2013 9:41

Hoje de manhã já estava com 23º depois de ontem ter enfiado o balde dentro de uma bacia com agua, ainda assim hoje de manhã meti uma garrafa congelada dentro de água para ver se ainda baixa 2 graus.

O que me deixa agora preocupado é que não há movimentações no fermentador... não se vê bolhas nem nada... cá para mim "matei" o fermento <<<>>> , ou muito me engano ou vai tudo pelo cano :((( abaixo...

Sim o borbulhador tem água e a tampa está bem fechada, se apertar ligeiramente o balde a água no borbulhador mexe, não há fugas...

Medi a densidade logo após fazer a "mistura" e estava a 1065


No Fermentador

Engarrafadas
Brewferm Triple 03/08/13
brunosoliveia
BeerMaster
Mensagens: 565
Registado: sábado mar 16, 2013 18:03
Localização: Gondomar
Contacto:

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor brunosoliveia » segunda jul 29, 2013 9:58

RGomes Escreveu:Hoje de manhã já estava com 23º depois de ontem ter enfiado o balde dentro de uma bacia com agua, ainda assim hoje de manhã meti uma garrafa congelada dentro de água para ver se ainda baixa 2 graus.

O que me deixa agora preocupado é que não há movimentações no fermentador... não se vê bolhas nem nada... cá para mim "matei" o fermento <<<>>> , ou muito me engano ou vai tudo pelo cano :((( abaixo...

Sim o borbulhador tem água e a tampa está bem fechada, se apertar ligeiramente o balde a água no borbulhador mexe, não há fugas...


Se calhar o que podes fazer é trocar o fermento por um que aguente temperaturas mais altas.


Bruno Oliveira

Loja do Cervejeiro
RGomes
Bebedor de minis!
Mensagens: 25
Registado: segunda jul 15, 2013 15:20

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor RGomes » segunda jul 29, 2013 10:15

Mas é possivel ter liquidado o fermento? mesmo que tenha sido com temperaturas nos 30º durante o inicio do processo?

Outra coisa, este tipo de borbulhador leva agua em ambos os "cilindros" até à linha? ou só leva num dos cilindros? eu coloquei agua nos dois até à linha de marcação que cada um tem...


No Fermentador

Engarrafadas
Brewferm Triple 03/08/13
seriuskiller
BeerMaster
Mensagens: 879
Registado: sábado dez 01, 2012 14:13

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor seriuskiller » segunda jul 29, 2013 12:59

Leva nos dois, o objectivo é fazer um sifão. Não me parece que ter começado nos 30 mate a levedura, fiz isso no meu primeiro kit é foi sem problemas, pode é atrasar o início da fermentação.


RGomes
Bebedor de minis!
Mensagens: 25
Registado: segunda jul 15, 2013 15:20

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor RGomes » segunda jul 29, 2013 13:26

Neste momento esta nos 23graus continua sem borbulhar, agitei um pouco para ver se acordo alguma coisa, agora vou aguardar esta semana antes de a enviar para o esgoto :(((


No Fermentador

Engarrafadas
Brewferm Triple 03/08/13
brunosoliveia
BeerMaster
Mensagens: 565
Registado: sábado mar 16, 2013 18:03
Localização: Gondomar
Contacto:

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor brunosoliveia » segunda jul 29, 2013 13:35

RGomes Escreveu:Neste momento esta nos 23graus continua sem borbulhar, agitei um pouco para ver se acordo alguma coisa, agora vou aguardar esta semana antes de a enviar para o esgoto :(((


Podes sempre fazer uma repetição de fermentação, arejando um bocado e depois adicionas um pouco de levedura. Há algumas leveduras que vem mencionado que se pode adicionar 2.5 a 5g /HL


Bruno Oliveira

Loja do Cervejeiro
RGomes
Bebedor de minis!
Mensagens: 25
Registado: segunda jul 15, 2013 15:20

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor RGomes » segunda jul 29, 2013 13:38

Enganeime neste momento esta a 21 graus, acho que consigo estabilizar +- nesta temperatura...

Obrigado a todos pelas dicas vou ver se arranjo esse fermento para adicionar um pouco...

Qual o melhor fermento neste link para mandar vir, sendo que estou com 9lts no balde http://www.cervejartesanal.com/pesquisa/?s=Levedura
Última edição por RGomes em segunda jul 29, 2013 13:47, editado 1 vez no total.


No Fermentador

Engarrafadas
Brewferm Triple 03/08/13
ricardo valentim
Beer Hunter
Mensagens: 63
Registado: quinta out 25, 2012 18:51

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor ricardo valentim » segunda jul 29, 2013 13:47

a água no borbulhador não passou para um dos lados? 30º é um pouco exagerado... Mas essas leveduras de kit também não são nada de especial, e só se não houver actividade hoje há noite é que é realmente preocupante... devias pensar em tentar arranjar outro pacote de levedura se isso não arrancar até logo há noite.

Para a próxima tenta fazer o seguinte, uma 1 ou 2 horas antes de prepqarares o mosto, esterilizas um copo e uma colher, metes a água e a levedura no copo e mexes bem, tapas com um guardanapo. No fim de teres o mosto preparado e a 25º ou menos juntos o starter que preparas-te.

Abraço,
Ricardo Valentim


RGomes
Bebedor de minis!
Mensagens: 25
Registado: segunda jul 15, 2013 15:20

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor RGomes » segunda jul 29, 2013 13:55

Boas,

De facto tenho reparado que a agua no borbulhador vai para um dos lados com o tempo... A tampa do balde tambem me parece um pouco inchada, mas pode nao ser... Vou ver logo a noite se nao houver nada enfio então novo fermento perdido 100 perdido por 1000...

Qual o fermento que devo lá meter?

Desculpem as duvidas e os posts ainda vou ser banido por spam....


No Fermentador

Engarrafadas
Brewferm Triple 03/08/13
ricardo valentim
Beer Hunter
Mensagens: 63
Registado: quinta out 25, 2012 18:51

Re: Fermentaçao lenta ou... inexistente?

Mensagempor ricardo valentim » segunda jul 29, 2013 14:18

não sei qual é a levedura mais adequada ao estilo, mas sendo ale, a safale s 04 deve resultar de certeza... mas tem calma, se ele começa a passar o liquido de um lado para o outro é sinal de que está a fermentar, e aqui vai uma regra MUITO importante, a cerveja é para se fazer com muita calma, relaxa e respira!

até há noite isso vai começar a borbulhar, descansa...



Voltar para “O PROCESSO DE ELABORAÇÃO”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 12 visitantes