O que ando a beber...

Comente quais as suas cervejas preferidas, aquelas que menos gosta, as suas qualidades, defeitos e características.
Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » quinta jan 31, 2013 23:29

Kasteel Cuvée du Chateau

Kasteel, a porta-estandarte da Brouwerij Van Honsebrouck, talvez a par das "frutadas" St. Louis e Bacchus. Mas sem dúvida que pela qualidade, as Kasteel se revelam como as melhores opções desta cervejeira belga. E dentro da gama a Cuvée du Chateau é provavelmente a melhor que degustei. Basicamente, a Cuvée du Chateau é uma Donker à qual foi dada mais tempo para maturar e, consequentemente, ganhar outras nunces e maior complexidade. Pessoalmente não lhe dei grande tempo, pois a garrafa que experimentei era um batch de 2012.

Ao servir apresentou uma espuma robusta, de cor creme, a encimar um líquido bem escuro, castanho quase preto. Vai deixando algum laço no copo, até porque a espuma acaba por nunca colapsar por completo.

O aroma é agradável e convidativo, notando-se logo o álcool (11% ABV) mas deixando espaço para frutos secos, chocolate negro, biscoito. Em suma, o malte domina o aroma, algo que se espelha no que se passa no sabor: mais uma vez o álcool omnipresente mas em vez de ser opressivo serve antes de companhia sábia para notas de passas, ameixas/alperces secos, toffee e especiarias, difíceis de definir mas que estavam presentes.

Pouca presença do lúpulo o que faz com que seja uma cerveja tendencialmente doce ainda que equilibrada. Espessa e untuosa na boca, o final torna-se suave e redondo, fruto de uma carbonatação muito subtil.

Acredito que esta cerveja ainda tivesse beneficiado com mais uns anos de reserva, mas foi mais forte do que eu! Belgian Strong Ale? Bom... sim, se se entender uma Quad como uma BSA. Algo cara mas bastante recomendável.

Aparência: 7/10
Aroma: 8/10
Sabor: 8/10
Palato: 8/10

Total: 7,75/10

Imagem


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » terça fev 12, 2013 23:17

Telenn Du

Cerveja da companhia francesa Lancelot, elaborada com malte de cevada e trigo sarraceno, o que lhe confere alguma leveza e espuma densa e com boa durabilidade. Quer o trigo, quer a cevada, são de agricultura biológica, facto certificado por um selo no rótulo.

De cor castanho escuro, quase preto, com uma bonita e densa espuma bege. Retenção média e ligeiro laço.

Aroma inicial adocicado, açúcar candy, caramelo e maltes torrados. Alguma prevalência do trigo, abrindo bem no copo e evoluindo para notas de madeira. Muito ligeiramente fumada na boca, suave e redonda. Maltes torrados em destaque, algum chocolate negro. Parece ser uma cerveja com mais corpo do que os seus 4,5% ABV fariam supor. No palato é cremosa e untuosa.

Surpreendentemente fácil de beber e agradável. Se lhe tivesse que fazer uma crítica mais acérrima seria pela total ausência de lúpulo. Mas como o produtor a deve ter desenhado mesmo assim, é porque está muito bem.

Aparência: 7/10
Aroma: 7/10
Sabor: 7/10
Palato: 6/10

Total: 6,75/10

Imagem


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » quinta fev 14, 2013 0:04

Cookie Beer. Com speculoos (um biscoito belga/holandês). Xaroposa esta menina...

Imagem


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » sábado fev 16, 2013 12:21

Baltika Cooler

Um colega meu de trabalho é casado com uma letã e tendo ido recentemente lá passar férias decidiu trazer uns exemplares do que por aí se bebe a este vosso escriba. Bom, na verdade trouxe muitas coisas que já se encontram por cá, caso das Baltika. Mas como em tudo o que conta é a intenção e só lhe posso agradecer pelo cuidado.

Na realidade não tenho assim tantas Baltika degustadas. Há umas que verdadeiramente não me chamam a atenção e, consequentemente, vou dando primazia a outras marcas. É o caso desta Baltika Cooler, cuja aparência coloca qualquer apreciador de cerveja de pé atrás.

0,5l, vidro incolor, carica de fácil remoção, tudo a fazer lembrar a nossa pouco saudosa Super Bock Cool Beer. E o que encontramos lá dentro não engana.

De cor amarelo brilhante, espuma branca volumosa, inicialmente intensa mas que colapsou num instante. É uma típica Pale Lager industrial europeia, com aroma e sabor quase nulos, eficaz a matar a sede e a não incomodar ninguém. Quer dizer, pode incomodar quem goste de cerveja, mas isso é outra questão...

Aroma ao cereal e alguma levedura, sabor também com o cereal e cartão. Algo efervescente na boca. Aguada, com corpo muito leve. Lúpulo?! Lúpulo?! Onde estás tu?

Uma óptima cerveja para aquilo que pretende ser: um produto barato, para o verão, sem aroma ou sabor. Como cerveja, esqueçam.

Aparência: 4/10
Aroma: 3/10
Sabor: 3/10
Palato: 4/10

Total: 3,5/10

Imagem


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » sábado fev 16, 2013 12:45

3 Horses Malta

Já não bebia há algum tempo uma Malta. Aliás, fujo um pouco ao conceito pois não sou realmente apreciador da excessiva doçura deste tipo de bebida. Mas quem experimentou esta Malta holandesa comigo gostou, pelo que se deve valorizar esse facto.

De origem holandesa, o rótulo não apresentou grandes informações. Enuncia-se "sem álcool", o que deve ser o caso pois com álcool, ainda que muito ligeiro (entre 0,5 ou 1 graus) costumam designar-se por Malzbier. Basicamente a Malta é uma cerveja que não fermentou, o que a torna popular entre alguns povos como bebida para crianças ou como complemento à alimentação de grávidas e mães recentes.

De cor muito escura, um castanho quase preto, apresentou espuma muito fugaz e de tonalidade castanha. No nariz as notas são a xarope, melaço, caramelo e baunilha. O sabor é extremamente doce, açucares escuros, novamente melaço. Carbonatação muito suave.

Uma Malta não pode ser interpretada e, consequentemente, valorizada como uma cerveja. Esta 3 Horses pareceu-me até uma Malta bem conseguida, rica e nutritiva, garantindo os pressupostos que este género de bebida deve ter. Infelizmente o sistema de avaliação que utilizo é para cervejas e vou ter de seguir por aí. Mais: o facto de não gostar de Malta origina logo uma forte deturpação na avaliação. Mas avaliação não é ciência e a minha subjetividade está lá toda vertida. Logo, a avaliação não é positiva ainda que, como disse, para Malta a 3 Horses esteja perfeitamente aceitável.

Aparência: 6/10
Aroma: 5/10
Sabor: 3/10
Palato: 3/10

Total: 4,25/10

Imagem


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » sábado fev 16, 2013 13:16

Fraise Foudroyante

Foudroyante é uma marca criada para um importador francês de cervejas belgas. A Gueuze e a Kriek são feitas pela Lindemans e a Pomme e a Fraise provêem da Huyghe. Basicamente, esta Fraise é o alter-ego da Florisgaarden Fraise. Logo, a base é uma cerveja de trigo.

Na apresentação é de facto muito parecida com a Floris. E no que concerne à cerveja em si também não foge muito. É mais uma daquelas cervejas frutadas industrializadas, tentando agradar a um público feminino ou que habitualmente não bebe cerveja, antes preferindo a praga das alcohol-pops. Não obstante não é totalmente desprovida de valor.

Uma espuma rosa volumosa encima um líquido vermelho, o qual fica rapidamente desprotegido em função da pouca durabilidade da cabeça. No nariz lembra uma compota de morango, sobressaindo ainda algumas notas de levedura. No sabor novamente o morango, pouco ou nenhum amargor ou perceção do malte. Dito isto é até agradável, se bebida bem fresca, ainda que notoriamente artificial. Ligeiramente xaroposa.

Mais uma cerveja que aponta para um objetivo e o tenta atingir. Nada de mal com isso.

Aparência: 5/10
Aroma: 5/10
Sabor: 5/10
Palato: 5/10

Total: 5/10

Imagem


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » sábado fev 16, 2013 14:00

Série Noire

Cerveja de edição limitada elaborada pela francesa Bière Artisanale LaBelle nas instalações da La Brasserie du Pays Flamand. Tinha alguma curiosidade relativamente a esta cerveja já que não é todos os dias que apanhamos uma Smoked francesa.

E vou já começar pelo que mais me impressionou: o aroma desta cerveja. A primeira imagem que me veio à cabeça foi comboios. Conseguem imaginar aquele cheiro tão característico dos caminhos de ferro, algo parecido com nafta ou alcatrão? Pois é esse o aroma mais intenso desta Série Noire. Negativo? Nem pouco mais ou menos. Incomum e não tão expectável para uma Smoked, mas percebe-se a origem. No aroma encontramos ainda turfa queimada, lareira, maltes torrados. Muito interessante. Algumas destas notas continuam no sabor, ainda que de forma menos intensa. Isso permite o aparecimento de outros elementos, como cacau e café. O final é bastante intenso, prolongado e nota-se perfeitamente a utilização do peated malt.

Oleosa na boca, de corpo bem forte, carbonatação média a baixa (após a efusividade inicial).

Grande senão desta cerveja: gushing! Não é agradável perder quase um quarto da cerveja e ter de andar a limpar a mesa e o chão! De resto, uma Smoked incomum, que gostei imenso, ainda que seja admissível que não seja uma cerveja fácil de beber para a maioria.

Aparência: 6/10
Aroma: 9/10
Sabor: 8/10
Palato: 8/10

Total: 7,75/10

Imagem


gosto de loiras
Já saca as caricas fora!
Mensagens: 17
Registado: quinta jul 13, 2006 18:17

Re: O que ando a beber...

Mensagempor gosto de loiras » segunda fev 18, 2013 17:45

bmxutos Escreveu:Cookie Beer. Com speculoos (um biscoito belga/holandês). Xaroposa esta menina...

Imagem


Onde se pode encontrar uma coisa destas?


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » sexta fev 22, 2013 21:43

gosto de loiras Escreveu: Onde se pode encontrar uma coisa destas?


Comprei numa loja em Toulouse...

Abraço,


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » sexta fev 22, 2013 21:46

Companhia cervejeira para hoje:

Imagem


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » sábado mar 02, 2013 21:15

Porque nem só de cerveja vive um homem... :mrgreen:

Imagem


lupulado
Beer Hunter
Mensagens: 89
Registado: quinta jan 17, 2013 14:10

Re: O que ando a beber...

Mensagempor lupulado » domingo mar 03, 2013 0:55

Estou a beber uma anchor liberty ale. Absolutamente magnifica. Vou tentar arranjar uma receita para fazer algo parecido cá em casa.. Já agora, se existirem por aí sugestões.... :)


Avatar do Utilizador
tom_po
BeerMaster
Mensagens: 285
Registado: terça jan 30, 2007 9:34
Localização: Braga
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor tom_po » domingo mar 03, 2013 11:58

Comprei ontem no Makro em Braga mais um baril 30l de "Felsgold" (cerveja belga), muito bom. Tinha desconto, comprei para cerca 40 Euros incl. IVA.

Cerveja "Premium Urtyp", tipo "Helles", uma cerveja forte (6,5º alc.), sabor completo, amarco, mas soave e com aspecto muito bom, espuma consistente no copo, como eu adoro, até ao fim!

Imagem Imagem


seriuskiller
BeerMaster
Mensagens: 879
Registado: sábado dez 01, 2012 14:13

Re: O que ando a beber...

Mensagempor seriuskiller » segunda mar 04, 2013 22:22

Bourgogne des Flandres Brun

Cerveja com pouca espuma. Aroma a caramelo. O sabor é uma mistura de caramelo e um doce estilo vinho verde, um pouco ácido. Com bastante gás e bom corpo. Gostei bastante.
Anexos
1.jpg
1.jpg (104.89 KiB) Visto 12525 vezes


seriuskiller
BeerMaster
Mensagens: 879
Registado: sábado dez 01, 2012 14:13

Re: O que ando a beber...

Mensagempor seriuskiller » terça mar 05, 2013 21:49

Augustiner Weissbier

Típica cerveja de trigo, igual a outras como a Erdinger. Agradável de beber, gosto muito, mas não tem nada que a destaque, é uma boa cerveja de trigo. Aroma a banana, boa quantidade de gás.
Anexos
2.jpg
2.jpg (108.65 KiB) Visto 12515 vezes


Avatar do Utilizador
tom_po
BeerMaster
Mensagens: 285
Registado: terça jan 30, 2007 9:34
Localização: Braga
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor tom_po » quarta mar 06, 2013 12:56

seriuskiller Escreveu:Augustiner Weissbier

Típica cerveja de trigo, igual a outras como a Erdinger. Agradável de beber, gosto muito, mas não tem nada que a destaque, é uma boa cerveja de trigo. Aroma a banana, boa quantidade de gás.


Augustiner em geral é uma das mais tradicionais cervejas de Muniche e em especial a "Helles" uma das melhores do mundo.

http://www.augustiner-braeu.de/augustin ... index.html


seriuskiller
BeerMaster
Mensagens: 879
Registado: sábado dez 01, 2012 14:13

Re: O que ando a beber...

Mensagempor seriuskiller » quarta mar 06, 2013 21:18

Leikeim Wintertraum

Cerveja muito banal, sem grande sabor. O mesmo que beber uma SuperBock, mas ligeiramente mais clara. Não vale o preço que paguei por ela.
Anexos
3.jpg
3.jpg (96.85 KiB) Visto 12504 vezes


seriuskiller
BeerMaster
Mensagens: 879
Registado: sábado dez 01, 2012 14:13

Re: O que ando a beber...

Mensagempor seriuskiller » quinta mar 07, 2013 21:28

Timmermans Tradition Faro

Principais sabores são o acido, estilo champagne e um brutal doce. Mas doce mesmo, um pouco enjoativo na minha opinião. Um pouco de sabor e aroma a maça, estilo sidra. Interessante para experimentar por ser diferente, mas acho que não volto a repetir.
Anexos
4.jpg
4.jpg (104.63 KiB) Visto 12488 vezes


Avatar do Utilizador
tom_po
BeerMaster
Mensagens: 285
Registado: terça jan 30, 2007 9:34
Localização: Braga
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor tom_po » sexta mar 08, 2013 13:30

seriuskiller Escreveu:Leikeim Wintertraum

Cerveja muito banal, sem grande sabor. O mesmo que beber uma SuperBock, mas ligeiramente mais clara. Não vale o preço que paguei por ela.


Eu conheço muitas marcas alemãs da cerveja, mas francamente, nunca ouvi falar dessa...
E já o nome da Cerveja, "Wintertraum" (=sonho do inverno) já diz tudo...

http://www.leikeim.de/index.php


Patricia
Beer Hunter
Mensagens: 51
Registado: segunda out 10, 2011 17:11
Localização: Seixal

Re: O que ando a beber...

Mensagempor Patricia » domingo mar 10, 2013 21:40

Hoje provei a minha primeira Vadia. Fui comprar à Loja Portugueza da Rua dos Fanqueiros.
Escolhi a de trigo e apesar dos 5 euros achei que valeu a pena.
Não notei os aromas mais comuns, banana e cravinho. Mas a quantidade de leveduras que tinha no final foi suficiente para me agradar :))


seriuskiller
BeerMaster
Mensagens: 879
Registado: sábado dez 01, 2012 14:13

Re: O que ando a beber...

Mensagempor seriuskiller » segunda mar 11, 2013 21:15

Blanche de Bruxelles

Cerveja de trigo com um aspecto muito claro, estilo limonada. Falo da limonada porque para além do sabor tradicional de uma cerveja de trigo é possível identificar um leve sabor a limão. A cerveja tem um sabor muito leve, bastante refrescante. Cerveja fácil de beber mas muito saborosa, excelente para um dia quente de verão, mas ainda assim, apropriada para um dia de inverno. Recomendo!
Anexos
5.jpg
5.jpg (96.35 KiB) Visto 12419 vezes


seriuskiller
BeerMaster
Mensagens: 879
Registado: sábado dez 01, 2012 14:13

Re: O que ando a beber...

Mensagempor seriuskiller » terça mar 12, 2013 20:47

Timmermans Framboise Lambicus

Cerveja de cor rubi (vermelho escuro / roxo). Cerveja com forte presença de framboesa (daah!) tanto no aroma como no sabor. O sabor a framboesa é um pouco artificial, parece-me que foi usado um aroma artificial e não verdadeiras framboesas. É perceptível um leve sabor a maçã e uma acidez estilo champagne. Cerveja bastante doce, mas dentro do tolerável. Cerveja agradável de beber mas nada de especial.
Anexos
6.jpg
6.jpg (103.72 KiB) Visto 12396 vezes


Vic
Já saca as caricas fora!
Mensagens: 14
Registado: segunda fev 25, 2013 22:09

Re: O que ando a beber...

Mensagempor Vic » terça mar 12, 2013 21:12

seriuskiller Escreveu:Blanche de Bruxelles

Cerveja de trigo com um aspecto muito claro, estilo limonada. Falo da limonada porque para além do sabor tradicional de uma cerveja de trigo é possível identificar um leve sabor a limão. A cerveja tem um sabor muito leve, bastante refrescante. Cerveja fácil de beber mas muito saborosa, excelente para um dia quente de verão, mas ainda assim, apropriada para um dia de inverno. Recomendo!


A Blanche de Bruxelles, dentro do estilo é mediana. dentro das brancas, continuo a ser fiel à velha Hoeggarden.

Cheers

Vic


Vic
Já saca as caricas fora!
Mensagens: 14
Registado: segunda fev 25, 2013 22:09

Re: O que ando a beber...

Mensagempor Vic » terça mar 12, 2013 21:16

seriuskiller Escreveu:Timmermans Framboise Lambicus

Cerveja de cor rubi (vermelho escuro / roxo). Cerveja com forte presença de framboesa (daah!) tanto no aroma como no sabor. O sabor a framboesa é um pouco artificial, parece-me que foi usado um aroma artificial e não verdadeiras framboesas. É perceptível um leve sabor a maçã e uma acidez estilo champagne. Cerveja bastante doce, mas dentro do tolerável. Cerveja agradável de beber mas nada de especial.


Esta é velha conhecida. Talvez seja das únicas lambics regularmente encontradas nos nossos supermercados.
Quanto à qualidade, também entra nas médias no seu género. Gosto de lambics, mas de outros géneros.

Cheers

Vic


seriuskiller
BeerMaster
Mensagens: 879
Registado: sábado dez 01, 2012 14:13

Re: O que ando a beber...

Mensagempor seriuskiller » quarta mar 13, 2013 21:12

Leikeim Helle Weisse

Cerveja de cor amarelada e opaca. Sabor a cerveja de trigo, nota-se um ligeiro sabor a levedura e banana. Deixa uma ligeira sensação de manteiga na boca, cerveja cremosa. Uma boa cerveja de trigo.
Anexos
7.jpg
7.jpg (195.55 KiB) Visto 12370 vezes


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » quinta mar 14, 2013 12:10

Viva seriouskiller,

Vais com bom ritmo nessa tua degustação de cervejas. É continuar! :):)

Das últimas que aqui estão destacaria a Bourgogne des Flandres Brune, ainda que a minha preferida sob esse nome seja a Bourgogne des Flandres. Quanto à Leikeim concordo contigo: não vale minimamente o preço.

Um abraço,


seriuskiller
BeerMaster
Mensagens: 879
Registado: sábado dez 01, 2012 14:13

Re: O que ando a beber...

Mensagempor seriuskiller » quinta mar 14, 2013 21:14

Augustijn Grand Cru

Cerveja de um tom claro e amarelado. Aroma a levedura e um pouco frutado. Bastante carbonatação. Sabor bastante acido estilo champagne, mas mais doce. Forte presença do sabor a álcool, o que penso que é de esperar já que tem 9% de álcool. Presença notória de amargura de lúpulo. Cerveja bastante "agressiva", mas achei agradável de beber.
Anexos
8.jpg
8.jpg (185.93 KiB) Visto 12358 vezes


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » sábado mar 16, 2013 13:09

Anosteké Blonde

IPA muito interessante da companhia francesa La Brasserie du Pays Flamand. Apesar dos seus 8% ABV, não chega a ser uma DIPA. Não se trata de uma questão de amargor mas antes num background mais maltado e por vezes uma certa doçura que comumente surge nas DIPA's e não nas IPA's.

O rótulo em autocolante é pouco informativo e esteticamente não se pode dizer que tenha uma apresentação muito conseguida. Mas o importante é o que está dentro da garrafa e por isso vamos a esse aspeto.

De cor dourada, algo turva, espuma branca com boa formação e alguma durabilidade. Carbonatação ativa, o que contribui para uma pequena camada de espuma que permanece até ao final da prova.

No nariz o lúpulo predomina, com carácter floral, algumas especiarias. À medida que o líquido aquece no copo surgem aromas a citrinos e algum álcool. Na boca predomina novamente o lúpulo, com notas frutadas, algum pinheiro e maçã verde, tudo bastante agradável e que torna a cerveja muito fácil de beber. Final seco, bastante refrescante. Corpo médio, carbonatação média a alta.

Uma boa surpresa desta companhia francesa. Uma IPA mais ao estilo inglês, sem ser extremista como algumas IPA's norte-americanas, com elevada drinkability e a fazer desejar regressar.

Aparência: 6/10
Aroma: 7/10
Sabor: 8/10
Palato: 7/10

Total: 7/10

Imagem


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » sábado mar 16, 2013 13:47

Cookie Beer

Já bebi algumas coisas menos ortodoxas da belga Ecaussinnes, nomeadamente a Goji Beer ou a Ultramour. Esta Cookie Beer terá sido por certo das cervejas menos convencionais que bebi nos últimos tempos.

Qual o conceito subjacente a esta cerveja? A uma base tipo Belgian Blonde Strong Ale adiciona-se canela et voilà. Temos uma cerveja que faz lembrar os speculoos, um típico biscoito belga holandês que, habitualmente na Bélgica, vem a acompanhar, em formato mini, quando pedimos um café, café com leite ou similar.

Um dos rótulos ou contra-rótulos menos informativo que encontrei. Nem sequer elencam os ingredientes. Alguma pesquisa e sabemos que tem água, malte de cevada, lúpulo, açucar candy, canela e levedura. 8% ABV.

Confesso que acho a ideia engraçada e que, eventualmente, o resultado poderia ser interessante. Mas a cerveja é excessivamente doce, tornando-se enjoativa e aconselhando a sua degustação a temperaturas bem baixas, mais habituais para uma Pilsner do que para uma cerveja de fermentação alta.

Cor âmbar claro, turva, espuma fugaz mas ainda assim com uma retenção minimal. Da fermentação sobraram muitas partículas que se mantêm em suspensão no líquido.

No nariz a doçura já ameaça prevalecer sobre tudo o resto, ainda que subsista espaço para a canela, gengibre, algum caramelo. Mas no sabor é que a doçura explode, lembrando-nos toda uma gama de açúcares, seja açúcar mascavado, açúcar amarelo, etc. A canela é mais notória no sabor, tendo a companhia do gengibre, recordando assim aqueles bonecos de gengibre muito típicos da época natalícia em alguns países da Europa. O final, sem surpresas, é doce, com notas das especiarias e ligeiro álcool.

É uma cerveja com bom corpo, boa carbonatação, que se baseia numa ideia interessante, mas que é excessivamente doce para seu próprio bem. Caso gostem de especiarias, nomeadamente canela, e se servida bem fresca, pode até ser uma boa opção.

Aparência: 5/10
Aroma: 7/10
Sabor: 4/10
Palato: 5/10

Total: 5,25/10

Imagem


Avatar do Utilizador
bmxutos
Site Admin
Mensagens: 3047
Registado: terça mai 16, 2006 2:07
Localização: Lisboa
Contacto:

Re: O que ando a beber...

Mensagempor bmxutos » segunda mar 18, 2013 21:44

Bière Rousse aux Fleurs des Îles

Cerveja da companhia francesa Brasserie des Abers, com 5% ABV e um rótulo sem qualquer informação relevante. Será que descrever os ingredientes é assim tão complicado? Exige alguma pesquisa na internet mas lá se consegue alguma coisa: maltes pilsen, munich, caramel e black; cerveja com adição de flor de hibisco.

De cor âmbar escuro com tonalidades castanhas, apresentou espuma bege, com média formação e alguma retenção. O aroma é muito suave, perpassando notas florais e especiarias. Difícil definir algo mais. Na boca é inicialmente decepcionante, muito aguada. Como diriam os ingleses, é bastante mild. A evolução no copo traz novamente as especiarias e notas vegetais. Fez-me lembrar uma cerveja com ruibarbo que também bebi recentemente. O final é curto e com um amargor muito subtil.

Uma cerveja sem erros mas completamente desinteressante, extremamente leve e sem corpo. Onde estão os maltes black ou caramel? Deixa-nos a pensar o que o mestre-cervejeiro quereria obter com esta receita.

Aparência: 6/10
Aroma: 6/10
Sabor: 5/10
Palato: 4/10

Total: 5,25/10

Imagem



Voltar para “APRECIAÇÃO DE CERVEJAS”

Quem está ligado:

Utilizadores neste fórum: Nenhum utilizador registado e 4 visitantes